1 GILBERTO  ? Explico: 1 berto e outro  Gil!
humberto de almeida e gil de rosa

1 GILBERTO ? Explico: 1 berto e outro Gil!

Passei um tempo, como disse o meu irmão/amigo Gil de Rosa, hibernando. Uma hibernação espontânea para recarregar as baterias. Por que “bateria” no plural? Simples: uma bateria do celular – um tempão desligado ou quebrado – e a outro do notebook ligado sempre. Uma descarregou pela falta de uso, e outro pelo uso excessivo.

 Agora, passada a hibernação, muitas letras pensadas e outras escritas, muito em breve outras parcerias surgirão! Uma como “Velas”, “Sede de ceder” e… Ah, e muitas outras!  Gil de Rosa é um poeta inspirado e músico de sensibilidade rara de encontrar por aqui. Ah, e em alhures também.

Agora, voltando ao começo, como diria o Gonzaguinha, começo como se tudo realmente começasse agora (sic). Se isso é bom? Ótimo!  Hoje estou a fim! Pausa. “Afim” é outra coisa, minha gente. E se estou assim, vocês sabem tão bem quanto eu, é um bom começo!

 O meu amigo/irmão Gil de Rosa pode tiras as melodias das cordas paradas do teu violão que estou voltando!

Compartilhar...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter

2 comentários

  1. Meu caro amigo/irmão, finalmente notícias e contato… longa hibernação.

    As cordas estão levemente aquecidas e já com nova cria e outras à caminho. Também hibernei por um tempo, mas estou de volta… Precisamos por em teste essas ovas crias com uma certa dose de álcool para ver se elas são aprovadas.

    Abração, Gil de Rosa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*


− um = 8

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>