Arquivos Mensais: outubro 2014

O saco cheio e a cabeça vazia de esperança…

Nada de saco cheio na mão!  Saco é todo o corpo!

Vocês não sabem o que é estar de saco cheio, sabem? Pois bem. Ssabem. Tudo E se for mulher, mesmo com o útero vazio, também deve saber. Fácil. Esse é um sentimento sem sexo. “Óvulo cheio”.  Também pode ser. Sem discriminação. Sou contra. Mas a verdade é que estou com o saco até aqui de tanta besteira que escuto por ... Leia Mais »

O que eu desejo de presente ? Um futuro!

anivesário definitivo bom

A minha mãe, Francisca de Almeida, mas conhecida pelas amigas, vizinhos e, principalmente, pelo marido, o meu pai Heráclito de Almeida como Dona Chiquinha, fumava um daqueles cachimbos matutos (salve a metonímia!), preto como o fumo que nele socava com a ponta do dedo fino! Para todo lugar aonde ia a  minha mãe carregava o seu “divertimento” predileto.  Ou seria ... Leia Mais »

Confesso que estou vivendo!

aniversário quatro

O terraço da casa número 950 da Rua 12 de Outubro, no meu  bairro de Jaguaribe, era grande o suficiente para que os irmãos, todos mais velhos do que este escriba, estendessem gostosos colchões, deitassem os corpos juvenis e ali tirassem boas sonecas! Enquanto isso, entre uma nuvem de fumaça e outra fabricada pelo seu cachimbo mágico, ela me ensinava ... Leia Mais »

Não quero bolo nem velas…

aniversário bob

   Amanhã será quarta-feira! Não um domingo como aquele somente de Dona Chiquinha! Mas nem preciso ir ao calendário para saber que é mais um  dia 22 de outubro! Esse dia,  o dia 22 de outubro, me acompanha (ou seria o contrário?) há muitos anos!  Virou uma tatuagem na minha história! Também uma tatuagem e carne viva na  minha vida! ... Leia Mais »

Eu tenho espelho e graças a Deus velhos amigos!

aniversário zirando

  Como muitos pensam ou mesmo veem o dia de amanhã, quarta-feira, será  um dia colorido para mim. Um dia de muitas cores expostas à disposição desses olhos pescadores. A cor ? Ora, quem escolhe são os meus olhos de férias! E para olhos assim, curiosos e coloridos como os meus,  podem ter certeza: todos os dias, mesmo as insuportáveis ... Leia Mais »

Energisa: uma luz para essa empresa!

energisa

A reclamação? Pode até parecer simples. Mas não é. O leiturista passa e não espera o cliente abrir o portão para a devida leitura do consumo de energia elétrica. Isto considerando que esse cliente raramente não está em casa. Hoje, nesse exato momento, o cliente pediu simplesmente, de dentro de casa, para que o esperasse abrir o portão. Não esperou: ... Leia Mais »

Essas pessoas cópias de outras!

aceitar-se

Algumas pessoas – muitas – passam a vida inteira tentando ser o que não são e nunca serão. São falsas.. Todas cópias  do que sonham ser um dia. A ccópia de outro. Vazias. Tudo que elas fazem soa como coisas velhas, repetidas, descartadas.  Tem pessoas que nasceram para viver no anonimato. E quando  despontam é   para um anonimato ainda maior. ... Leia Mais »

Abrir caminho é nunca pegar atalhos! (Zé Renato)

fazendo o seu - dele - caminho

Abrir o próprio caminho sem pegar atalho. Sem temer machucar os pés. Nunca duvidei que fosse capaz. Fui. Sou. Serei. às vezes parece difícil. Muito difícil. Outras vezes ele – o caminho – se oferece como a melhor das amantes-amadas. Fica fácil.  Medo do desconhecido? Nenhum! Não se pode temer o que não se conhece. Não temo. Os atalhos se ... Leia Mais »

Lembrar a primeira vez ? Melhor esquecer!

primeira vez primeiro

  Essa historiazinha a seguir,  simples e bem contada é antiga.  Mas ainda continuo achando-a arretada. Não cheguei ainda lá.  Espero chegar um dia. E, se possível, com memória. Sem memória o homem não tem história. A mesma coisa acontece com país,  sua cidade e  ainda com o seu bairro.  Sou um sujeito feliz pela memória que tem e, claro, ... Leia Mais »

A primeira vez ? É bom esquecer!

primeira vez

  Aos 85 anos de idade, Morris se casou com Ana, de apenas 25. Devido ao marido ser tão idoso, ela decide que deverão dormir em quartos separados. Terminada a festa do casamento, cada um vai para seu quarto. Ana se prepara para deitar, quando ouve batidas fortes na porta. As batidas são insistentes. Ao abrir a porta ela se ... Leia Mais »