Arquivos Mensais: maio 2015

Nessa Tô Com Chico e Não Abro: Nada Acontece Por Acaso!

chico xavier

Não sei se vocês sabem, mas se não sabem que fiquem sabendo agora: não acredito em espírito. Almas? Também não. Às vezes, porém, por merecimento,  capacidade de criar frases feitas e creditar a autoria aos espíritos em que eles acreditam, eu acredito em espíritas. Não nos espíritos desses, vocês me entendem, mas nos homens que nesses  espíritos acreditam.  Não sou ... Leia Mais »

JAMPA ? JAMPA É A…

jampa

Se saiu na Globo, pode ficar certo: vai entrar na mídia. E não deu outra. Somente porque o apresentador do Jornal Nacional, William Bonner, soube através da “Moça do Tempo”, Maria Júlia, que a capital da Parahyba tinha o horrível e triste e intragável apelido de “Jampa”, e disse ainda que se a gente, nós, moradores dessa capital, não concordássemos, ... Leia Mais »

Pancho Villa no ABC de Fausto Wolff

Pancho_Villa_SG

Eu Plural: sou fã de Fausto Wolff. Se um dos meus dois leitores não sabia, o outro estava cansado de saber. Faz tempo. Desde os velhos tempos de O Pasquim. E não foi nem pelo fato de publicar na sua página um texto meu sobre um livro dele. Nada a ver. Nem a ler. É que Fausto Wolff era o ... Leia Mais »

Um Sabadinho Ruim de Fazer Chorar!

bons tempos dessa turma no choro verdadeiro!

 Fui, por acaso, sábado passado, sem muitas  opçõ3w sabatinas, ver como estava o chorinho da Praça Rio Branco. Fui, vi e venci o desejo de voltar ali outra vez. Fazia um bom tempo que não visitava aquele espaço que antes tinha choro de verdade e todos, por esse choro ser verdadeiro, saiam dali chorando de tanto sorrir. Bons tempos aqueles, ... Leia Mais »

MEU VÍDEO, MEU BEM, MEU MAL…

O vídeo foi pescado na Quadra da Mangueira, no Rio de Janeiro, em 1994. Apesar do violão sofrível do excelente compositor dessa gostosa composição, Meu bem, Meu mal, achei um momento de rara beleza. Gal Costa estava afinadíssima. A melodia é gostosa e a letra doce no limite que se possa imaginar. Doce. Lembro ainda que, se a memória não ... Leia Mais »

A DIGNIDADE EM PESSOA

dignidade um

Nunca mais tinha passado o olhar curioso sobre as coisas do filosofo Immanuel Kant. Hoje,  porém, depois de um papo rápido, falando justamente sobre “dignidade”, lembrei-me que para ele, Immanuel Kant, dignidade é o valor que se reveste tudo aquilo que não tem preço. Um dia, sem lembrar o filósofo, lembrei-me disso: dignidade é aquilo que não preço, que não ... Leia Mais »

Ela saiu no meio da noite…

meio da noite

Por Anco Márcio – em 16/01/2008 às 06h48 E de repente ela levantou-se do lugar onde a gente estava sem dizer nada e sem sequer um adeus, sem ao menos uma explicação, mergulhou na noite que acabara de nascer, meio embriagada e com um cigarro nas mãos. Nem pude perguntar a ela o porquê daquela pressa, daquela saída assim tão ... Leia Mais »

Será que vai dar audiência ?

audiência

Tenho a certeza de que pelo menos um dos meus dois leitores sabe o que vem a ser uma audiência. Pois é. Essas estão me tirando do sério. Pausa. Fosse apenas isso, estaria ótimo. Mas, além de me tirar do sério, estão me deixando sem graça.   Falo daquela audiência onde uma causa está sendo julgada. A minha atenção, por ... Leia Mais »