A Bolsa ou o Voto!

A Bolsa ou o Voto!

Não adianta. Ás vezes quero ficar calado, mas não consigo. E se dá então uma briga da gota serena entre o silêncio e a palavra escrita. Mas a verdade é que nesta eleições a candidata Dilma tem como maior cabo eleitoral – mais que isso, um “general eleitoral” – a sua bolsa família.

Não preciso de bolsa-família, graças a Deus.  Mas espero também que um dos meus dois leitores não me venha dizer que só estou acabando com a bolsa-família porque dela não precioso. Mentira. Não estou acabando. Mas, se esse poder eu tivesse, confesso que acabaria.  Tem mais ? Tem:  não sou contra a bolsa nem a família.

Mas, agora respondendo como cidadão em dia com as obrigações e sempre carente dos direitos a que direito  tem , afirmo sem medo de estar cometendo crime eleitoral que sem a bolsa-família Dilma nunca chegaria ao Segundo Turno. Pausa. Também não serei elitista dizendo que a votação de Dilma se deu apenas no meio dos menos informados nordestinos.

Nordestino convicto e orgulhoso dessa condição ainda não virei com essa história de que por ser Nordestino  sou um forte. Nada disso. Sou forte porque não me curvo nem quebro –  se preciso for –  nesse curvar meu. Nunca! Se houver de minha parte um ato dessa natureza, curvando-me diante desses ex-crotos, sejam eles candidatos ou não, desconheça-me: não está mais aqui quem se curvou!

A verdade é que sem bolsa e famílias precisando delas Dilma nunca estaria no Segundo Turno dessas eleições. Também não acredito nessa história de “transferência de votos”. Leonel  Brizola?! Esse é outra historia. Essa é outra história.  Em síntese, não voto em quem o “meu” líder mandar.

Primeiro, não tenho líder e,  segundo, não serei o primeiro nem o último a deixar de votar em quem o “seu rei” mandar. Vamos, pois, acabar com essa história de que muitos irão votar em Aécio apenas porque Marina declarou o seu – dela – voto nele. Também não se vota em Dilma só porque o seu criador, esse que chama as suas criações de “poste”, Lula da Silva, sóbrio ou não, está pedindo para que votemos nela. Nenhuma uma coisa nem outra.

Fim de papo? Ainda não. Apenas um começo. Voltarei ao assunto.

 

bolsa-familia um

Compartilhar...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*


× oito = 24

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>