A Galinha de Livardo Alves
livardo alves em foto deste malabarista de palavras

A Galinha de Livardo Alves

Essa foto marcou a nossa despedida. Nesse dia ele estava realmente muito bem. Feliz até.   A sua – dele – costumeira alegria e vontade de criar estavam lá em cima. O amigo ainda vestia uma roupa comum a nós todos e morava nesta cidade onde ainda moro. Moramos. Foi assim, e assim eu conto:

- Vai, 1berto! Bate uma foto minha com essa có-có que amanhã vai pra panela!

A foto foi batida.

Hoje, sem mais nenhuma surpresa, a foto correu o mundo. Porém, por mais que este MB tenha dito que não deveria ser assim ou assim ser, a foto de “Livardo e galinha” vem sendo exposta e postada e colocada e ilustrada e falada e outros “adas” que se queiram por aí,  sem a assinatura deste autor.

Quem os mortos enterrem seus mortos! Deixemos pra lá. Livardo continua vivo!

Olho para a minha foto e a lembrança vem forte:  Livardo Alves eternamente de bom humor. Uma de suas marcas registradas.

Amanhã, dia 16 de março, serão 17 anos sem o nosso eclético e querido e referência do meu bairro Jaguaribe.  Um compositor que passeava por todos os salões musicais com a dignidade de um mestre-sala.  No dia 16 de março de 2002, ao 66 anos de vida e muitas composições, o filho de Cacheado e Dona Júlia trocava de roupa e se mudava para outra cidade.

Saudade do amigo, compositor e cantor. Saudades. Mas a foto, essa que flagrei num sábado distante, vai continuar como uma das melhores e mais bonitas na parede da minha memória.

 Shalom Adonai!

Compartilhar...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*


nove − = 5

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>