A PAZ DE DRÃO…

UM PRESENTE DUPLO  e musical  nesse domingo somente silêncio. Duas belas composições belamente interpretadas pelo bom baiano. O mais musical dos baianos. A “Paz”, autoria dele e do acreano João Donato, o maior músico vivo do verde-amarelo, e a sua – ele sozinho – belíssima “Drão”. . Eu gosto de músicas assim. Todos gostam.  Ou gostar deveriam. São músicas assim que nos fazem uma pessoa melhor. Acreditem. A música também tem esse poder. Basta ser sincero e desejar profundo! Desejar ser melhor. Vocês entendem. A “Paz “ nos dá aquela sensação de… Paz! “Drão”? Ora, Drão é paz e poesia! As letras? Sempre acontece. Elas se casam de tão foram que nem o tempo consegue separá-las. O tempo. Esse que tudo destrói.  A letra não sobrevive sem musica.  A música? Nenhuma outra letra casaria melhor. São irmãs siamesas. Uma é tico e outra teco. Uma é ping e a outra pong. Eu gosto de ambas.

Compartilhar...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*


× sete = 42

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>