Ainda repercurte os as declarações do “seco e molhado”

A direita brasileira está em polvorosa com o vídeo do cantor Ney Matogrosso criticando os governos do PT. Ele é parte de uma entrevista para a emissora RTP, a mesma em que o ex-presidente Lula criticou o Judiciário brasileiro pelo julgamento do mensalão.

Ney Matogrosso, que foi a Portugal fazer dois shows pelos 40 anos de carreira, fala algumas inverdades. Uma delas é a de que os beneficiados pelo Bolsa-Família não têm a obrigação de matricular seus filhos na escola. O cantor apenas reproduz a crítica de muitos brasileiros que condenam o programa social sem conhecê-lo em profundidade.

Não é a primeira vez que o ex-Secos & Molhados (a banda que ousou desafiar a ditadura brasileira) criticou um governo do PT. Em agosto de 2005, auge do escândalo do mensalão, Matogrosso falava de sua decepção com Lula, em entrevista à revista Época.

Ney Matogrosso em entrevista à TV RTP

Em uma democracia, é salutar que parte da música brasileira se manifeste livremente, assim como fizeram Ney Matogrosso, Roger (do Ultraje a Rigor) e Lobão. O vídeo da RTP pode virar meme, ser usado nas campanhas políticas contra a presidente Dilma Rousseff e até provocar uma reação em cadeia da classe artística, esta cada vez mais preocupada com o seu próprio umbigo.

Aos 72 anos, o pós-tropicalista Ney Matogrosso expressou um sentimento que não é exclusivo da direita, mas também do centro e da esquerda brasileiros em relação à Copa do Mundo. A bola nem começou a rolar, mas o sentimento parece ser o de que só Deus pode salvar a América do Sul.

Compartilhar...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*


oito × 3 =

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>