Arquivos do Autor: Humberto

A FEIRA DE TIROS: TÁ LÁ UM CORPO ESTENDIDO NO CHÃO!

TIROTEIO NA FEIRA

Ouvi de presentes e feirantes nesse dia (ontem, quarta-feira):  isso é  uma coisa “normal” por aqui. A palavra “normal” não soou bem a estes exigentes ouvidos. Explico: o  normal dito aí foi para “justificar” o homicídio e tentativa (acho que foi além) ocorridas na feira livre do meu bairro Jaguaribe. Não faz muito tempo,  ali mesmo, meio a uma multidão ... Leia Mais »

Somos o que somos ou não seremos nada

InShot_20200310_141856633

  Eu juro que não queria começar estas mal-traçadas assim. Pausa.  Assim como? Perguntariam a este Malabarista de Palavras. “Todo flash light”. Responderia com a resposta que seria a dele. Mas assim eu começo. Somos o que somos. Ele e eu. Sintam. Procuro ser o mais claro possível. ão estamos naquela versão bíblica do ” eu sou o que sou”.  ... Leia Mais »

CAFAJESTES CAVALEIROS CAVALGAM CÉLERES PARA O CALVÁRIO!

corrputos muitos

Deu zebra!  Acabei de saber através de um dos nossos intragáveis programas policiais que os velhos pulhas de sempre apostaram no Paraíba da Sorte e deu… Azar.  Não acertaram nem um dos bichos da Roda. Deu zebra.  Vi o chaveiro, esse “profissional da abertura”, todo fechado no trabalho que fazia, nervoso como um rato diante de um gato, enfrentando a ... Leia Mais »

tornozeleira vira moda e os ex-crotos viralizam!

tornozeleira moda dois

nada contra quem usa a sua tornozeleira como se fosse asa. tudo, porém, contra aqueles que se acham melhores que os pobres e honestos que não tem – nem querem ter – condições de usar uma igual a deles. agora virou moda. os sacripantas estão com todo o gás e todas tornozeleiras. medo da justiça? nenhum.  o que me indigna ... Leia Mais »

tornozeleira na perna do outro é asa

tornozeleira dois

sei e quem não tem uma na perna também sabe. tornozeleira na perna dos outros não tem nada de refresco.  é asa.   uma tornozeleira basta. duas equilibrariam o voo e o tornozelado (sic) bateria asas para um espaço onde não existisse o perigo das gaiolas. desde que não voem para o meu quintal,nada tenho contra os tornozeilados. nem vem que ... Leia Mais »

O COLAR DE VELUDO DE ALEXANDRE, GRANDE ESCRITOR!

colar-de-veludo-alexandre-dumas-13955-MLB4148225025_042013-F

Sem regras nem pregas (no bom sentido, claro) nesse pensar livre e livre pensar me pego nesse domingo a devanear sobre as coisas que leio e aquelas que nunca li, mas morro de vontade de ler um dia. Saco livre – não uso cueca em casa! – e levemente vazio naquele vai e vem entre as coxas, ouvindo baixinho o ... Leia Mais »

Fonoaudiólogo para Denise Belmiro é um cavalo para quem caiu no meio da batalha de Bosworth!

denise delmiro

Todo ou quase todo dia ele chega à sala perguntando se a voz dela continua a mesma ou veio piorada. Sorrio. Não acredito que ela seja capaz de piorar o seu instrumento de trabalho, respondo-lhe. A sua voz, essa dela, parece ainda sair do fundo de uma lata redondinha daquelas de óleo Salada. Torço para ouvi-la menos “oleada”. Merece. Nota-se o ... Leia Mais »

FB_IMG_1583432907424

O Facebook avisa: FAZ dois ( esqueçam o “fazem”, nesse caso, por favor) anos que o bom Paulo Mariano, gentil e educamente, esteve em minha sala, e me presenteou com dois filhos de letras dele. Mais: ainda “gentil e educamente”, rasgou elogios escritos, no indispensável autógrafo, sobre este MB. Além de muito BOM, generoso. Paulo faz falta. Resquiecat in pace… ... Leia Mais »