Descoberta enzima que desativa doença celíaca

Descoberta enzima que desativa doença celíaca

Estudo foi realizado por cientistas da Universidade de Stanford,

Uma nova pesquisa publicada no periódico Journal of Biological Chemestry encontrou uma substância que é capaz de “desativar” a doença celíaca, cujos sintomas são causados pelo consumo do glúten.

O glúten é uma proteína encontrada no trigo, na cevada, no centeio, em alguns medicamentos, vitaminas e cosméticos.

Segundo o site Viva Bem, o estudo foi realizado por cientistas da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos. Eles investigaram a enzima transglutaminase 2 (TG2), que regula o glúten no interior do intestino delgado. Em celíacos, ela provoca uma resposta autoimune, na qual o corpo não reconhece o revestimento do intestino delgado e o ataca.

Os pesquisadores encontraram uma nova enzima, chamada de ERp57, que desativa a TG2, e começaram a estudar os medicamentos existentes que podem controlar essa espécie de “interruptor” recém-descoberto da doença celíaca.

Compartilhar...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*


+ 4 = doze

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>