Grupo faz protesto com farda da Polícia Militar e é detido em João Pessoa

Grupo faz protesto com farda da Polícia Militar e é detido em João Pessoa

Policiais licenciados queriam retornar à corporação. Prisão aconteceu porque o uso da farda é proibido para quem não exerce a função.

 

Por G1 PB

 

Fardas foram recolhidas na Central de Flagrantes, em João Pessoa (Foto: Capitão Bruno/PMPB)

Um grupo formado por pelo menos 16 pessoas foi detido, nesta terça-feira (17), após ser flagrado usando fardas da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar, na Praça João Pessoa, no Centro da capital paraibana. Eles são policiais licenciados e protestavam com fardas e símbolos da PM, sem serem integrantes da corporação, para voltar ao serviço.

O Batalhão de Operações Especiais (Bope) da Polícia Militar esteve no local, e explicou que a conduta era tida como crime de usurpação do exercício de função pública. Segundo a PM, o ato também é uma contravenção penal de fingir ser funcionário público, bem como de usar publicamente uniforme ou distintivo de função pública que não exerce.

As pessoas que passavam pelo local chegaram a confundir os manifestantes com policiais. O grupo foi conduzido para a Central de Flagrantes, onde foram ouvidos e tiveram as fardas recolhidas.

 

Compartilhar...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*


cinco − = 3

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>