mas tive que escolher “nenhum”…

mas tive que escolher “nenhum”…

pensei inúmeras vezes em anular o meu  voto. nem um nem outro. triste o país que precisa de um messias. os heróis estão ocupados em esconder os  seus – deles – rostos com medo de que  seus – deles  também – narizes os denunciem. não anulei o meu voto. anulei um dos escrotos.

Compartilhar...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*


quatro × 9 =

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>