Memórias do Zé Dirceu

Memórias do Zé Dirceu

Somente agora tomei conhecimento da chegada do Zé Dirceu por aqui. Pois Zé. Melhor: pois é. Zé esteve por aqui sexta-feira passada! Verdade! Esse mesmo Zé que eu pensava ser o “Capo di tutti capi” da quadrilha petista e que roubou o meu pais. Desculpem a minha falha. O Capo era outro. Mas esse, porém, por enquanto, está no seu quadrado.

Zé veio lançar o seu livro de memórias, uma cópia sem arte daquele outro do grande Graciliano Ramos.

Mas a verdade é que eu pensava que  o Zé lá deles não poderia sair de sua cela sem a permissão do povo brasileiro. 

Um livro de memórias ele escreveu?! Nem precisava. Quem esquecerá  esse sujeito nunca teve   nada de seu ?!  Tudo roubado do povo verde-amarelo?

Dirceu Livre? Livre-nos dele! Mas, nunca porém, de nossa memória! Precisamos aprender! 

Compartilhar...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*


oito − 3 =

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>