O Número Um nas Sexta Pintando e Bordando Outras Letras: 1BERTO!

O Número Um nas Sexta Pintando e Bordando Outras Letras: 1BERTO!

1 – manhãzinha. Leio que dos 413 atropelamentos registrados até agora neste ano na capital da Parahyba, a maioria se deu pela falta de atenção das pessoas e a pressa dos motoristas. Ainda bem!  A bebida – por enquanto – ainda está merecendo toda a atenção dos bebedores e nenhuma pressa eles tem em acabar com a farra.

                    transito 1                       

B – depois de Elvis Presley trocar de roupa e se mudar para outra cidade tem aparecido algumas pobres criaturas que insistem em querer ser melhores que o criador. Horríveis! Tem um aí imitando Elvis que por mais que se esforce nem perto do Reginaldo Rossi, esse que um dia também pensou em ser Elvis Presley, ele chega. Um humorista. Deve ser.

elvis

 

E – o livro de Carlos Alberto Torres, crítico/amigo e conhecedor da obra do Paulo Coelho, apesar de ser um livro técnico, as histórias por ele contadas sobre o pai da “Pedagogia dos Oprimidos” são tão boas que a gente lê como se fossem histórias escritas pelo  Eduardo Galeano. Uma coisa ele sabe: separar o joio técnico do trigo da leitura prazerosa.

paulo freire boa

 

R – Não adianta. Romário foi eleito pelos torcedores dos muitos times do verde-amarelo por onde passou e deixou a sua marca como artilheiro. Somente. O mundo de Romário continua sendo uma bola no meio do gramado. E assim, sem dar bola para os muitos que também assim pensam como eu – como eu ?!- , vai aproveitando a “fama” para continuar fazendo da bola o seu “cabo eleitoral”. Agora, empolgado com o “escândalo no futebol”, aproveitando fato, quem sabe ele não saia candidato à presidência da república. E o pior: tendo tudo para ser eleito.

baixinho

 

T – A diretoria do São Paulo demonstrou interesse em fazer um novo contrato com o “velho” goleiro Rogério Ceni, mas não foi muito explícita sobre o teor do mesmo. Diz querer o que restou do goleiro somente até o fim do ano. Porém, ambos caindo aos pedaços, isto é , o time e o seu goleiro, não sei quem conseguirá chegar ate lá sem receber cartão vermelho antes do início da partida.

rogeriio ceni

 

O – Não sei, nunca ouvi falar nem desejo saber nem falar. Nada contra. Mas o “comentarista de tudo” que a nossa globo tupiniquim escolheu para a tarefa é de uma inocência que me comove. O melhor exemplo que conheço do “óbvio ululante” em carne e osso.

cabo branco

Ufa! Afinal, ninguém é de ferro! Em especial na sexta-feira!

Ótimo fim de semana para todos!

beber-mais-whisky

Compartilhar...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*


sete − 5 =

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>