Postagens

Pelé nos palpos de um Aranha negro…

pelé aranha

Depois do caso passado, Pelé x Aranha, senti que Pelé não iria continuar “poeta” por muito tempo. Pelé não suporta poesia. Embora calado, seja um poeta. Foi o que vaticinou um “baixinho” que fala muito e, por isso mesmo, muito besteira costuma dizer. Um baixinho que, faminto de poder, não tem papas na língua. Hoje Pelé quer ser o Caetano ... Leia Mais »

Sou apenas 1… berto!

1  no peito e na alma!

Um número inteiro. 1.  Eu sou. Inteiro. Esse segue o O e precede o 2. Sou 1. Apenas. Sou 1. Singular. Dentro do peito, porém, sou Plural. Depois do O sou eu. Depois de mim, o 1, precede o 2. Nada mais natural. Nada mais simples. Sou natural. O segundo. Sou ímpar. O primeiro. Sirvo também para artigo. Mas não ... Leia Mais »

É preciso ter bunda, nunca peito, Geise!

é preciso te bunda, geise, bunda!

Ufa! Depois de alguns das hibernando, festas e mais festas e eu nem aí para os festeiros que me convidam, aqui pedindo desculpas pela falta e o excesso de necessidade de ficar em silêncio, finalmente voltei ao nosso Eu Plural. Voltei Renovado, cheio de vontade de não me ausentar. Nada de novo no front? Ah, muita coisa e pouca coisa ... Leia Mais »

Pingos

única doença…

Diz o médico para o paciente:   – hum& ...

ensaio noturno

Diz o médico ao paciente:   –  Esta m ...

BOM DIA!

o médico examina, durante horas, um doente. E vai ...