Postagens

FAULKNER: O CONDE SEM CONTA ? CONTO DEPOIS!

faulkner-690x533

  Uma confissão: ando lendo/relendo “O Som e A Fúria” de William Faulkner. Nada demais. Apenas, porque nos meus tempos de menino-jaguaribe, por mais que tentasse não conseguia passar do primeiro capítulo. Um dia me falaram que talvez a dificuldade estivesse no estilo literário de Faulkner. O “fluxo da consciência”. Esse que somente mais tarde, através de um amigo e ... Leia Mais »

MONÓLOGO DE MOLLY BLOOM

Molly

“o sol brilha para você ele me disse no dia em que estávamos deitados entre os rododendros no cabo de Howth com seu terno de tweed cinza e seu chapéu de palha no dia em que eu o levei a se declarar sim primeiro eu lhe dei um pedacinho de doce de amêndoa que tinha em minha boca e era ... Leia Mais »

Pingos

os candidatos sacanas de sempre

uma leitora que tive satisfação em como leitora ...