Postagens

Abel pode falar por mim: tudo legal!

o Belo confrima: tudo legal.

Verdade. O belo Abel deitou e rolou? Não. E balançou. Deu aquele descanso a bela mãe Carolina e aos irmãos nada menos belos Engels e Livinha, e ainda não deu pipoca aos macacos. Uma alegria que não tinha onde guardar dentro do pequeno corpo em movimento. E a energia? Os donos da Energisa morreriam de inveja. Tem mais: uma energia ... Leia Mais »

Alguns candidatos deveriam ser proibidos para menores!

voto dois

Dia 26 de Outubro, quatro depois do aniversário deste sujeito de quase dois metros de altura, Malabarista de Palavras sem ter medida para largura, pois sou largo e profundo, estarei mais uma vez botando o meu no buraco da urna. Sem camisinha ? Nunca: com camisinha e bermuda. Sei da importância desse gesto.  Sempre soube. Eles, porém, não sabem.  Dói  ... Leia Mais »

E votando que se aprende a “não votar”!

votar um

Pra que vou votar? Para dançar até o sapato pedir para eu parar e tirar do pé o sapato e dançar a vida inteira? Dançaram! Dançamos. Muitos dirão depois de eleitos. Agora é a nossa vez de dançar.  Dirão ainda. Essa a “nossa” aí  vocês sabem. É mesmo a deles. A dos  eleitos e lambe-cus que os ajudaram a vender ... Leia Mais »

Sábado liquidificando palavras…

blablabla 1

Hoje é sábado. Nenhuma novidade nessa descoberta. Aqui nem em alhures. Amanheço em mim com a cara de quem comeu e não gostou. O problema foi da comida. Simples assim. Não meu. Algumas coisas a gente come apenas para matar a fome. Depois vem a ressaca e o arrependimento por a gente ter comido aquilo.  Sábado é um dia bom ... Leia Mais »

TORQUANTO NETO: a mais lúcida loucura

Torquato: muito de poeta e louco. Uma loucura poética.

    Torquato Neto ainda é um desconhecido para muitos. Infelizmente. Apenas se conhece de Torquato  o  que se  diz e  o que se conta dele e das    poucas letras de música que  deixou. Torquato não deixou livro escrito. Dizem alguns que se não fosse o movimento tropicalista ninguém saberia quem foi Torquato Neto. Não acredito. Embora também não negando ... Leia Mais »

Pingos

a solidão sob uma sombrinha nos velhos tempos no ponto de cem réis…

a solidão no ponto vale menos que cem réis. a so ...

é ela! é ela! é ela!

LEMBRO-ME BEM… nesse dia ele fez questão de ...

a falta que henfil nos faz

NO QUE ESTOU PENSANDO AGORA ? DEPOIS que o Henfil ...