Postagens

O aniversário e a gratidão do aniversariante!

amigos comemoram aniversário deste amigo

Alguns sabem – poucos – que no dia 22 de outubro, como dizem por aí, fiz mais uma primavera. Verdade: nasci na Primavera! Pois bem.   Alguns pessimistas, endossando o que um pessimista disse outro dia, acham estranho o ser humano festejar um ano a menos de sua vida. Ó Ledo Ivo engano! E quem foi que disse que a vida ... Leia Mais »

o meu encontro com o genial Osvaldinho do acordeon

humberto rio oswaldinho agora

Não me lembro mais o dia. Sei que foi nesse em que a Rosa e eu, num só Balaio, assistimos a apresentação desse “mágico do acordeon”. Tudoaconteceu na Feira de São Cristóvão, no Rio de Janeiro, uma feira dele, do São, e, especialmente, da gente que estava lá para prestigiar o melhor da música nordestina.  Dias antes, em São Paulo, ... Leia Mais »

E assim se passaram 13 anos tabelando com Anco Márcio!

O ATOR Anco Márcio nos seus melhores dias... Ó tempos!

Por Anco Márcio – em 29/09/2005 às 16h01 Humberto Almeida é um dos bons textos da Paraíba. Pouca gente sabe, mas ele publicou picles por todo esse pais e nos melhores veículos de informação e cultura. Convidado por mim, vai ficar escrevendo uma coluna diária aqui no ancomárcio.com.Hoje é somente uma apresentação, um avant première de quem tem o dom de fazer cócegas na ... Leia Mais »

A saudade dele está doendo em mim

um pouco desse irmão que muito de bom nos deixou por aqui...

Nada de placa de “doutor” na porta de casa. Ele não era “doutor”. Também nunca desejou o “doutorado” dos homens. Nunca dele precisou no tempo em que morava nesta cidade e vestia a roupa que ainda visto. Essa  placa aí ficava na sua – dele – cozinha. Mais que uma placa. Era a sua – dele – filosofia de vida. ... Leia Mais »

TINHA UMA PEDRA NO MEIO DO NOSSO CAMINHO…

pedra do ingá dois

A Rosa não conhecia. Eu já. Em tempos idos, esses muito distantes, ainda peladeiro da “bola pesada”, antes de chegar na cidade de Campina Grande, por curiosidade, dei um pulo para ver a Pedra, essa “do” ingá. Pausa.  Nunca “de”.  A Rosa vive e respira arte. E tinha essa  Pedra no caminho de sua curiosidade. Fazer o quê?!  Ela merece ... Leia Mais »

Pingos

E os médicos cubanos ?”

pediram-me para “meter o bico” onde n ...

Os irmãos da propina

confesso que não estou vendo com bons olhos algun ...

os joguinhos ganha-pão do inflamado chatotite

quase ninguém viu. eu vi e achei arretada. a char ...