Por que não cantaram  o “Parabéns a você” no seu aniversário?

Por que não cantaram o “Parabéns a você” no seu aniversário?

a inventora do "parabéns a você": Bertha Celeste.

a inventora do “parabéns a você”: Bertha Celeste.

Não sei se vocês sabiam. Porém, se não sabiam, começo a contar agora. Depois de um bom tempo afastado deste singular espaço Plural, como assim se acostumou a chamar – Espaço Plural – o seu editor e irmão meu Humberto de Almeida, estou voltando. Mas, por favor, nada de cerveja pra gelar.  Sim, o que eu acho que alguns sabiam e outros não? Digo no parágrafo a seguir.

Eis a curiosidade: se você nasceu antes dos priscos (sic) anos de 1942, para sua tristeza, mesmo que nesse dia você ainda não soubesse o que era ser triste, ninguém cantou “parabéns a você” – não “pra você” como assim pedia a inventora da famosa quadrinha – no seu aniversário! Sabia não? Então vou tentar explicar melhor nos parágrafos a seguir.

Antes dessa data, preste bem atenção, a quadrinha não existia!  Ela “nasceu” e ficou famosa em todo o Brasil, somente depois do ano de 1942!  A sua autora é uma pindamonhagabense e poetisa e professora e farmacêutica, vencedora de um concurso na Rádio Tupi, Rio de Janeiro, para a criação em português da canção norte-americana “Happy Birthday To You”, comumente cantada nos aniversários!

Pronto. Isso todo mundo sabe.  E se o mundo não souber, o Dr. Google, o Freud da nossa época que tudo explica, está ai para isso mesmo. Nem precisa marcar consulta. Ele atende o dia todo. Não fecha para o almoço.

Agora falando sério, o que me deixa curioso e ao mesmo tempo mais pensativo do que Temer na hora de responder as perguntas que lhe serão formuladas pela Policia Federal, especialmente sobre aquele papo noturno com o dono da Friboi, o mesmo que provou que um de seus bois se chama Michel Temer, é imaginar o que se cantava nos aniversários dos nascidos antes da criação de Dona Bertha Celeste. Aí a coisa complicou!

Somente batiam palmas e diziam “Feliz aniversário”? Gritavam cheios de uma felicidade inventada na hora com gritos de “parabéns pra você”, esquecendo o “a você” daquela quadrinha que seria cantada exaustivamente em todo e qualquer aniversário? Isso mesmo: cantava-se em inglês? Mesmos aqueles que sequer sabiam nessa língua pronunciar flaslight e Rayovac?

Afinal, como eram saudados os aniversariantes antes do ano de 1942? Seria com o Feliz Aniversário (Canções de Cordialidade) de Villa-Lobos e Manuel Bandeira? Não sabem qual é? Não tem problema. Deixo a letrinha com vocês. Uma ótima dica. Mas se cantarem, antes mesmo da afinação, peço que me respondam: seria essa a cantada de parabéns para os que aniversariavam antes do ano de 1942?

 

Manuel Bandeira (Manuel Carneiro de Souza Bandeira Filho)

Villa-Lobos (Heitor Villa-Lobos)

 

Saudamos o grande dia

Em que hoje comemoras

Seja a casa onde mora

A morada da alegria

O refúgio da ventura

Feliz Aniversário

Compartilhar...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*


6 + = quinze

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>