Salve o Tom!

Disse inúmeras vezes: não gosto de ouvir Tom Jobim cantando. Mas, como instrumentista, foi um dos maiores compositores da história musical deste país. Nenhuma dúvida.

 Estivemos recentemente, a Rosa e eu, no Rio de Janeiro do Tom.  Ele, sem dúvidas, é a cara dessa cidade belíssima. Em todo lado ele estava presente. Ipanema, Leblon, Copacabana. Tijuca também. Exatamente onde ele nasceu. 

Tom merece todas as nossa homenagens. Sei que muitos não gostavam da pessoa do Tom. Não gostam. Esses tem os seus motivos. Mas o artista, o grande compositor, ninguém pode negar. Ou ter raiva. Nesse campo ele foi mais do que Pelé: não dizia tantas besteiras.

Compartilhar...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*


− 4 = um

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>