Tenista italiano é banido por manipulação de resultados

Tenista italiano é banido por manipulação de resultados

Daniele Bracciali também foi multado em US$ 250 mil

O tenista italiano Daniele Bracciali, ex-número 49 do mundo, foi banido e multado em US$ 250 mil (R$ 950 mil, segundo a cotação atual) por causa de um escândalo de manipulação de resultados.

A punição foi anunciada nesta quarta-feira (21) pela Unidade de Integridade no Tênis (TIU), órgão de combate à corrupção nesse esporte. De acordo com o inquérito, Bracciali foi usado por um grupo de apostadores como “recrutador” de jogadores para combinar resultados, especialmente no ATP de Barcelona de 2011.

O caso também envolve o tenista aposentado Potito Starace, ex-27 do ranking mundial, que foi suspenso de qualquer atividade relacionada ao tênis por 10 anos e multado em US$ 100 mil (R$ 380 mil).

Os dois italianos chegaram a ser denunciados por formação de quadrilha e fraude desportiva na Justiça comum, mas acabaram absolvidos. Já a Justiça Desportiva italiana os condenara em primeira instância, mas a sentença foi anulada na apelação.

A decisão da TIU, no entanto, se baseou em novas interceptações de conversas via Skype. Bracciali, 40 anos, continua na ativa como tenista de duplas e ocupa a posição número 95 no ranking mundial da categoria. Ele não poderá participar de nenhum evento da Associação de Tenistas Profissionais (ATP), nem mesmo como espectador. (ANSA)

 

Compartilhar...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*


+ nove = 16

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>