‘Transplante de memória’ entre caracóis mostra resultado promissor

‘Transplante de memória’ entre caracóis mostra resultado promissor

Segundo os pesquisadores, o resultado do experimento foi um sucesso

 

Um grupo de pesquisa conseguiu fazer uma espécie de “transplante de memória” entra caracóis com sucesso. De acordo com a pesquisa publicada no eNeuro, os cientistas conseguiram transferir material genético conhecido como RNA de um caracol marinho da espécie Aplysia californica para outro.

De acordo com a BBC Brasil, parte dos caracóis foi treinada para ter uma determinada resposta diante de choques elétricos em laboratório. Depois, o RNA foi transferido para outros animais, que não foram treinados.

Segundo a reportagem, os animais sentiam contrações de 50 segundos por conta dos choques. Depois, quando os cientistas tocavam nos animais que receberam as correntes elétricas, eles reagiam com a mesma contração de 50 segundos. Já os animais que não levaram choques, reagiam com uma contração de um segundo.

Depois, os pesquisadores extraíram RNA dos dois grupos de caracóis e injetaram em dois grupos de caracóis não treinados. Para a surpresa dos cientistas, os animais que receberam o RNA dos que foram condicionados pelos choques, também reagiam com contrações de 40 segundos. Já os que receberam o material dos animais que não levaram choques, não demonstraram mudanças comportamentais.

No futuro, este estudo pode contribuir no tratamento de doenças como Alzheimer e a Perturbação de Estresse Pós-Traumático (PTSD, na sigla em inglês). Um dos autores do estudo, o professor da Universidade da Califórnia em Los Angeles (UCLA), David Glanzman, disse que ainda não é possível saber se o processo poderia levar a um eventual transplante de memórias adquiridas em experiências de vida.

 

Compartilhar...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*


2 × três =

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>