Uma estátua fora do Tom…

Uma estátua fora do Tom…

oi inaugurada na semana passada na praia de Ipanema, no Rio de Janeiro, uma estátua de bronze do maestro, compositor e cantor Tom jobim – homenagearam-se assim as duas décadas de sua morte Ocorrida em Nova York em 1994. A homenagem é mais que justa a quem se consagrou como um dos mais originais compositores do brasil (ouça-se “Lígia” e não há mais nada a dizer). A autora é a escultora Christina Motta, que já tem em sua biografia a fabulosa estátua de Brigitte Bardot em Búzios. Dois detalhes: Tom não costumava carregar o violão displicentemente nos ombros – essa é a marca do artista Juca Chaves. E o instrumento por excelência daquele que Chico Buarque chamou de “meu maestro soberano” sempre foi o piano. Se christina tivesse colocado o seu talento a fazer um Tom ao piano na areia de Ipanema, ela teria prestado um tributo definitivo ao compositor.

Compartilhar...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*


4 + = sete

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>