vander lee, esse bom mineiro

Lembro-me bem o dia em que esse puto artista esteve por aqui. Era uma sexta-feira. Veio fazer um show público. Aberto. O local? O nosso Ponto de Cem Réis. O calçadão da boca maldita.  Nesse dia, perguntei a umas cinco pessoas quem seria a atração . Nenhum sabia. Um cara “desconhecido”. Entre os cinco uns três assim responderam. Perguntei apenas para matar essa curiosidade que às vezes me mata.Sabia: era Vander Lee.

Um dia não muito distante, lá de São Paulo, o meu parceiro-irmão Gil de Rosa perguntara para esse MB se tinha ouvido um “cara” chamado Vander Lee. Tinha.  arretado!  Foi à expressão de quem canta muito – Gil de Rosa é o nosso melhor canto/intérprete – e sabe muito das coisas de música.

Da vez primeira que esteve por aqui perguntei também ao maravilhoso casal, o meu maestro preferido Edino Krieger e sua musical e doce companheira Neném Krieger, se conhecia esse mineiro.  conhecia. Os filhos do casal eram amigos dele.

Vanderli Catarina. Esse é o seu nome de batismo.  Era 05 de agosto de 2016. Dia e ano de sua mudança para outra cidade. Pausa. Agora Vander Lee é um excelente cantor e compositor.  A morte tem dessas coisas.

Lembro ainda que  morando por aqui e  vestindo essa roupa que agora visto, falei para alguns colegas sobre esse bom compositor mineiro.  Sei não. Não gosto.  Não ouvi. Não sei quem é. Bonzinho. Agora – repito – Vander Lee é o “melhor”. Uma pena.

Mas deixemos de lado essas coisas. O melhor é que temos registros assim. Vander Lee era um excelente compositor e não menos bom cantor.

Compartilhar...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*


6 + = oito

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>