Alguém viu o estresse passar por aí ?

Alguém viu o estresse passar por aí ?

Estar a fim é um bom começo. Sempre.  E nesse começo, comecinho mesmo, confesso que não estou estressado. Confesso mais: nunca fui uma pessoa estressada. Não sou! Aqueles que me conhecem de perto, mesmo assim acham-me uma pessoa normal.

Numa análise sem a necessidade de um aprofundamento maior, posso afirmar sem medo de estar mentindo para mim que sou um sujeito equilibrado. Mas, afinal, o que é ser equilibrado Tentarei responder; É caminhar, por exemplo, sobre o fio de uma navalha sem fazer sangrar nem um dos pés! Se o corpo pesa, a mente tira o peso desse corpo!

Vou ao Aurélio, esse que se transformou em verbete do próprio dicionário e de outros, e leio a sua definição para o estresse. O que é estresse? É “o conjunto de reações do organismo a agressões de ordem física, psíquica, infecciosa, e outras capazes de perturbar a homeostase”.

Pausa. Homeostase. Recorro mais uma vez aos estudiosos e mais sabidos do que eu. “Homeostase” é “a capacidade do organismo de apresentar uma situação físico-química característica e constante, dentro de determinados limites, mesmo diante de alterações impostas pelo meio ambiente”. Trocando em miúdos e facilitando o que muitos tendem a complicar: “equilíbrio”.

Pois bem. Sou um sujeito equilibrado. Ou seria “homeostático”? Não! Acho melhor o “equilibrado”. Mas, como nunca existe um estado em equilíbrio sem os seus “poréns”, assim mesmo no plural, não posso me esquivar de afirmar que em algumas vezes, embora não acreditando estressado estar, sinto esse equilíbrio ameaçado.

Compartilhar...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*


− oito = 1

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>