Arquivos do Autor: Humberto

A PÁTRIA DE ANCO MÁRCIO

PATRIA CINCO

(Por Anco Márcio – em 06/09/2005 às 12h55) Hoje, sete de Setembro, se comemora o Dia da Pátria. Essas palavras já soaram menos estranhas aos meus ouvidos. Pátria? Como chamar de minha pátria um lugar, um país de tantos políticos corruptos? Um país onde homens públicos roubam impunemente?  Onde a prostituição infantil campeia? Onde se morre de fome? Pátria? Como ... Leia Mais »

o tempo guardado no banco

banco da empresa

banco de praça ? não. um banco fora da praça. essa é a primeira visão do depois dos raios de sol que caem todos os dias no meu quintal. o clima é de que não espera que a manhã se vá para se fantasiar de  luz para o dia seguinte. olho o banco e nele me vejo sentado  a contar ... Leia Mais »

nada de festa: mãe só temuma!

1berto – sou um sujeito curioso por natureza. não passa um só dia sem que esses olhos curiosos não saiam por aí “curiando” para matar a sua – deles – fome de curiosidade. essa aí apareceu agorinha. se achei interessante? não. triste. mãe é mãe entre a gente e , sem nenhum espanto, entre eles. li uma vez, olhei a ... Leia Mais »

Praia do Amor ou Canoa Queimada ?

canoa queimada

 Para que contar a história? Não a da nossa Praia do Amor, pois não preciso.  Não é preciso. O amor é por muitos sentidos e  a praia, especialmente à beira-mar, é lugar comum. Assim, sem entrar no mérito da questão, por ali chegando e vendo essa “canoa queimada” por inimigos do mar e de suas ondas, creio, lembrei a praia ... Leia Mais »

o sussurro do vendedor de castanha e amendoim à beira-mar

vendedor de amendoim dois

não sou muito bom de calcular a idade alheia olhando apenas para a cara lisa ou cheia de pregas daqueles que passam ou ficam. essas, as pregas, as rugas, valem muito na contagem dos anos. uma conquista. sem dúvidas. embora muitos conquistem-nas (epa!) ainda  na flor da idade. pausa. não sou muito também de colher esse tipo de flor. dessa ... Leia Mais »

os lambe-cus voltam a atacar!

lambe cu dois

caminhando sempre. estou. isso até onde o corpo aguenta e as pernas idem. “nunca está só quem gosta de ler”. era a frase que me fazia companhia enquanto caminhava. apagaram-na. fazia mal aos que não gostavam da companhia de um livro. caminhando e pensando, mas nada de cantar uma canção. o dia não está tão musical assim. pausa.  dói em mim ... Leia Mais »

os dedos de Deus e Adão falam do livre arbítrio?

dedo de adão

Não direi segundo os estudiosos, porque sei que eles foram os primeiros a dizer que o famoso quadro “A criação de Adão”, essa bela obra renascentista do italiano Michelangelo, foi feita em 1511.  Faz tempo, não? Fazendo os cálculos, sem precisar usar a máquina de calcular para esses, mas apenas para ficar com essa data  um bom  tempo boiando na ... Leia Mais »

ABRIRAM AS PORTEIRAS! OS LAMBE-CUS ESTÁO À SOLTA!

lambe

Vez por outra,  aqui fora de uma mesa de bar, essa que preciso visitar um pouco mais, assisto ao desfile de alguns babões que costumo chamar de lambe-cus. Mas vou logo avisando: nada de ofensa. O  “Aurélio” registra. Aqui, fora da mesa de bar, penso como deve ser triste as vidas – plural? Tudo bem – deles. O sujeito tem ... Leia Mais »

Tempo idade

*Quando tiver um tempo, leia e, se gostar,…* *compartilhe!* Existem cinco coisas antigas que são boas: • Pessoas sábias e idosas. • Os velhos amigos para conversar. • A velha lenha para aquecer. • Velhos vinhos para beber. • Os livros antigos para ler. *Émile A. Faguet* O segredo de uma boa velhice não é outra coisa senão um pacto ... Leia Mais »

e se por acaso a lua cair no meu quintal ?

david e o que me restou do silencio picasa livro

T – todas essas pessoas que atravancam o nosso caminho –  falo em nome de todos meus e seus – passarão. e nem imagino ser passarinho. nem essas pessoas minhas também. essas nem verão os pássaros que passarão sobre as suas cabeças vazias. e o vazio? tão lembrados daquela frase que falam  por aí ter sido dita pelo goebbels? não ... Leia Mais »