Arquivos do Autor: Humberto

bolsonaro: mentiras e panelaço no ritmo do povo

bolsonaro-1

Em pronunciamento em rede nacional de televisão e rádio, na noite da última terça-feira (23/3), o presidente Bolsonaro mudou de discurso para reforçar a importância da vacinação em massa contra a covid-19 e defendeu as medidas de combate à pandemia que seu governo, supostamente, tem encampado nos últimos meses No dia do pronunciamento de Bolsonaro, o Brasil quebrou o próprio recorde ... Leia Mais »

a Naifista Rosa e a sua Arte Naif

rosa naif

Começo estas mal-traçadas pedindo aos meus dois leitores para usar a palavra “naifista”. Não existe, aviso de primeira. Confesso que procurei antes de fazer uso dela. Mas também não estou a usar aqui o “naifista” como aquela/aquele que usa naife. Estranho, não? Pois é. Naife é navalha. Uma palavra afiada que vem do inglês “knife”. Assim, estou pedindo permissão para ... Leia Mais »

Wellington Pereira sobre a foto de Antonio David

FB_IMG_1616577150497

Todas as vezes que ela via essa sua abertura característica franzia – que palavrinha, hein? – o cenho.  Depois relaxava. Pois  sabia ser  essa  uma de suas áreas de estudo preferidas: a epistemologia.Mas e aí?  Perguntava. Nunca pensei em trocar em miúdos o que essa palavrinha – um palavrão, na verdade – significava. Ela desconhecia. Mas com o passar do ... Leia Mais »

se eles não aceitassem , mesmo tendo as almas enormes, viver não valeria a pena…

essa pandemia coronária – falo do corona – tem me feito caminhar pelo universo internético sem aviso prévio e promessa de elaborar um novo e autêntico pdv para o texto.  saio por aí a pescar “peixes coloridos” e outros em “preto e branco”. nenhum problema. o mais importante é o peixe. assim caminhando nesse mar sem destino e por muitos antes navegados, ... Leia Mais »

ele também não poderia naquele dia ter pendurado a língua ?

o de chapéu é o meu craque Heráclito de Almeida

Lembro perfeitamente o dia . Era um 14 de novembro de 1969.  A hora ? Nenhuma importância.  Não fazia muito tempo que o menino-jaguaribe tinha deixado os cueiros. E o meu pai Compadre Heráclito tinha uma espécie de “serviço prestado” à nossa Federação Paraibana de Futebol. Embora “fiscal”, dava aquela de porteiro que nos dias de jogo – sempre foi assim ... Leia Mais »

Mario Quintana

FB_IMG_1616152195876

Bilhete Se tu me amas, ama-me baixinho Não o grites de cima dos telhados Deixa em paz os passarinhos Deixa em paz a mim! Se me queres, enfim, tem de ser bem devagarinho, Amada, que a vida é breve, e o amor mais breve ainda… Mario Quintana Leia Mais »

apesar de sorrindo

1 – tem gente que não consegue ver o que todos veem. isso mesmo. a maxima do zé américo. ver bem não é ver tudo. mas ver aquilo que os outros não vem. porque essa máxima me veio agora na cabeça ? simples eu conto. B –  Paulo Marreco foi amigo meu nos velhos tempos de caserna.  era tão desconviado ... Leia Mais »