O assunto não é para primário: superávit!

O assunto não é para primário: superávit!

Confesso estar cansado de explicar – ou tentar – para um dos meus dois leitores, esse curioso que escreveu pedindo-me explicações, o que danado vem a ser esse tal de “superávit primário”. Ele adianta e  me diz que nada de primário tem. É formado. Terminou um curso em uma dessas universidades feitas nas coxas – e sem camisinha – e se diz detentor de um “diploma superior”. Não discuto. Saco. Apenas.

A universidade dele é uma daquelas em que o sujeito paga e para saber a nota no final do semestre remete a comprovação dos boletos pagos  a diretoria do negócio. Isto quando eles, os donos do  negócio e sócios,  hoje todos bem informados e informatizados não precisam de comprovação e tem tudo comprovado: esse estudante é ótimo. Não atrasa uma só mensalidade. Deve passar por média.

Mas deixemos pra lá. Negócio seguinte: passeando pelos tortuosos caminhos da Internet, finalmente, sem muito esforço, acabei descobrindo essa aulinha aí colorida que explica tintim por tintim o que danado vem ser esse “superávit primário” que todo mundo fala e muitos não sabem nem o aonde o galo está cantando. Pois bem. Taí agora rolando neste mesmo espaço tudo explicadinho. Facilitar ainda mais é impossível. Boa sorte.

Compartilhar...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*


3 × oito =

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>